quinta-feira, 16 de abril de 2015

OCA Rio Branco promove o IX Fórum dos Supervisores



A Central de Serviço Público – OCA Rio Branco realizou na última quarta-feira, 15 de abril de 2015 o IX Fórum dos Supervisores, a fim de tratar da importância da gestão participativa e sua essência aplicada à A Central de Atendimento.  O encontro foi iniciado pela Diretora da OCA, Margareth Cavalcante, que fez as considerações iniciais, falando sobre a importância que o Fórum reflete para o bom andamento.

O evento, presidido pela Gerência da Central, com o apoio das Assessorias Técnicas da Diretoria OCA, reuniu todos os Supervisores de Órgãos e de Praças. No andamento dos trabalhos, a Supervisora da Defensoria na OCA, Clara Rúbia, promoveu uma dinâmica de integração, a fim de estreitar ainda mais o relacionamento entre os presentes.

Dentre os assuntos abordados no fórum, destacou-se a parceria e colaboração dos gestores para a boa funcionalidade do atendimento. O espaço foi destinado também às Assessorias da Gestão da Informação (Guia do Usuário) e Gestão da Qualidade, que apresentaram os dados atualizados e os números comparativos de atendimento, bem como o índice de aprovação destes, referentes a 2014 e primeiro trimestre de 2015, respectivamente. Por fim, houve a abertura para discutir as questões propostas pelos supervisores.

Qualidade de vida e melhoria da produtividade




Visando a prevenção de possíveis doenças ocupacional dos servidores, a Central de Serviço Público – Oca Rio Branco em parceria com a Fameta – Faculdade Meta, realizou na última terça-feira, 14 de abril, às 14h, um encontro com a Professora do curso de fisioterapia e responsável pelo estágio do alunos, Heloise de Queiroz, para dar início ao Projeto Ergonômico que será implantado na unidade de Rio Branco.


A ideia é que os alunos do curso de fisioterapia possam promover orientação e acompanhamento dos agentes públicos a fim de proporcionar condições de segurança e conforto, interatividade, o bem estar em qualquer situação da estrutura organizacional na prática de suas atividades, dando qualidade de vida e melhorando a produtividade.

terça-feira, 14 de abril de 2015

Semana de Capacitações da Diretoria OCA - 1° dia capacitação




Nesta segunda, 13 de abril de 2015, iniciou-se a semana de capacitações da Diretoria OCA. Na ocasião, o Professor Ayrton Queiroga, juntamente com Assessor Alessandro Lima, realizou a abertura com a palestra intitulada Reflexão sobre nossa inserção na Política de Atendimento”. A palestra em questão foi bastante pertinente e todos os que participaram do evento puderam relembrar o percurso da central para que, hoje, de fato, pudesse ser alçada como uma referência no atendimento.  O momento foi oportuno para recordar a OCA quando ainda era um “sonho” que veio a se concretizar. Nesse sentido, o foco principal da palestra foi mostrar que assim como o projeto inicial OCA tornara-se possível, também é possível continuarmos sendo modelo de gestão e qualidade no atendimento. Para isso, é necessário nos reinventarmos e buscar sempre a melhoria significativa para atender e servir o cidadão com respeito, efetivando assim, o exercício de cidadania. Ademais, é imprescindível que se valorize o agente público, já que este é o principal mediador para que o atendimento aconteça.

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Encontro com os Representantes Institucionais da Central de Serviço Público – OCA Xapuri


A Diretoria OCA realizou no dia 09 de Abril de 2015 um encontro com os Representantes Institucionais da Central de Serviço Público – OCA Xapuri. O evento ocorreu no auditório da Central de Serviço Público – OCA Rio Branco e contou com a participação da Diretora da OCA, Margareth Cavalcante, Danielle Azevedo (Assessora de Gestão de Pessoas), Conceição Oliveira (Gerente da Central de Xapuri), como também os Representantes Institucionais do referido município, Maria de Fátima (Ciretran), Marcos Vinicius (Depasa), Sandro Roberto (Instituto de Identificação), Capitão Nivaldo Marcolino (Junta de Serviço Militar), Ana Holanda (NAT – Núcleo de Atendimento ao Trabalhador), Ruth Alencar (SEFAZ), Carlos Venicius (TRE), Raimundo Marcelo e Marilou Bezerra (Telecentro). Na ocasião, a Diretora ressaltou a importância de manter as parcerias, sempre com foco no atendimento de qualidade ao cidadão. Também foram discutidas metas para os próximos anos, visando sempre a melhoria do atendimento.

quarta-feira, 18 de março de 2015

Semana do Consumidor

Em comemoração à semana do consumidor, o PROCON, nesta segunda-feira, dia 16 de março de 2015, reuniu, no auditório da OCA Rio Branco, seus colaboradores para uma palestra sobre o Cadastro de Reclamações Fundamentadas de 2014. O órgão atendeu 19.732 consumidores, refletindo o constante trabalho de conscientização dos consumidores através do conhecimento de seus direitos e deveres (Educação para o Consumo).


terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

“Tá um homão”, diz mãe em reencontro após 20 anos

Maria Celestina custou a acreditar que Marcelo era o seu filho sequestrado há 20 anos (Foto: Diego Gurgel/Secom)


“Ele é homem, dona. Ele é pai. A senhora não tem direito nenhum”, foi o que ouviu de uma autoridade, dentro da delegacia, Maria Celestina da Silva, ao tentar dar queixa do sequestro de seu filho Marcelo, de três anos, realizado pelo pai em 1994 em Rio Branco.
Era o início de uma longa jornada de resgate. Dor, saudade, raiva, desespero, temor, preocupação e esperança foram sentimentos que a seguiram ao longo das duas últimas décadas.

A mãe se emociona ao narrar história (Foto: Diego Gurgel/Secom)
 Até que, esta semana, foi contatada pela equipe da Organização das Centrais de Atendimento (OCA), que lhe comunicava que o filho estava a sua procura. “Eu não acreditei muito que era ele”, conta Maria, ressentida com tantas tentativas frustradas.
Mesmo assim, foi ao encontro do rapaz. E apenas depois que Margareth Cavalcanti, diretora da OCA, mostrou-lhe que os dados da certidão de nascimento original, em poder dele, eram os mesmos da segunda via, que ela retirara, e que a história que ambos narravam era a mesma é que Maria Celestina se permitiu acreditar que reencontrava seu menino. E enfim correr para o abraço.
“Tá um ‘homão’”, diz ela, emocionada. É verdade. Marcelo da Silva Ferreira já completou 23 anos. Viveu em diversas cidades da Região Norte e até em Itabirito, em Minas Gerais. Mas sempre quis reencontrar a mãe, de quem não guardava nenhuma lembrança. Prometeu para si que quando o pai se casasse – não queria deixá-lo só – a procuraria. E cumpriu o intento.



Marcelo ganhou uma família (Foto: Diego Gurgel/Secom)
Chegou a Rio Branco na noite de segunda, 26. Foi à OCA na terça, buscando auxílio. Maria foi localizada em menos de dois dias. “É uma satisfação realizar esse tipo de trabalho. Toda a equipe se envolve na busca e fica na expectativa de um desfecho feliz”, conta Vera Freire, coordenadora da organização.
Mãe e filho sabem que o tempo perdido não volta. Mas receberam algumas compensações pelo golpe que sofreram. Marcelo ganhou dois irmãos, os gêmeos Graziel Marcos e Maria Graziele, de 12 anos, o padrasto Antônio e vários tios e primos, além de avô e avó. E Maria Celestina poderá desfrutar a companhia do filho: “Vou passar um tempo por aqui”, planeja Marcelo.

Fonte: Agência de Notícias do Acre

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Aniversáriantes de Fevereiro


Cônsul cubano Turcios Miguel López visita a OCA Rio Branco

Na última terça-feira, 27, a Central de Serviço Público – OCA Rio Branco recebeu a visita do Cônsul cubano Turcios Miguel López que foi acompanhado pela Secretária de Estado da Gestão Administrativa, Sawana Carvalho, pela Diretora da OCA, Margareth Macedo Cavalcante e pelo Gerente da Central de Serviço público, Anderson Cogo.


Durante a visita, o cônsul visitou todos os espaços da Central e destacou a importância de se ter um local com prestação de serviços públicos com vistas à qualidade e excelência e, principalmente, à promoção de cidadania. Ele ainda ressaltou o ambiente físico da Central que propicia conforto e atendimento digno ao cidadão, bem como os espaços destinados a promover condições salubres de trabalho aos agentes públicos, como o “cantinho da leitura”, ambiente para repouso e a copa que são equipados de modo a colher cada agente público que faz parte do quadro de pessoal da OCA.

Ainda de acordo com Turcios, o trabalho de capacitação inicial e continuada que a OCA propicia aos agentes públicos é de fundamental importância já que se pretende preparar pessoas capazes de se sensibilizar com as demandas da população e dominar as técnicas de seu trabalho.


Ao finalizar a visita, o magistrado disse não haver nada em seu país que se assemelhe à OCA, de modo que pretende levar a experiência que observou aqui àquele lugar.

OCA informa que serviço de emissão de RG já está normalizado na capital

Uma usuária dos serviços da Organização Central de Atendimentos (OCA) enviou uma reclamação a redação do ac24horas quanto à suspensão do atendimento na emissão de carteiras de identidade, popularmente conhecido como Registro Geral (RG).
Segunda a denunciante, pediu para não ter seu nome revelado, desde o dia 16 de janeiro vem tentando – sem sucesso – solicitar a emissão do documento. Ela relata ainda que regressou inúmeras vezes a OCA, porém foi informada que o sistema estaria fora do ar e em dias alternados o  serviço estaria sendo executado com número de restrito de senhas.

 A reportagem do ac24horas falou com o gerente da OCA Rio Branco, Anderson Cogo, que confirmou o problema. Segundo ele, do dia 12 ao 16 de janeiro o setor responsável pela emissão de RG sofreu inúmeras interrupções, em virtude de atualizações no sistema do Instituto de Identificação.
Anderson Cogo explicou que a falha no sistema é oriunda do órgão responsável pela emissão do documento e que em virtude dessas oscilações no sistema o atendimento ficou comprometido também do dia 19 ao 23, porém com prejuízos menores, ou seja, o atendimento foi realizado parcialmente. Já a partir do dia 26 ao 30, o sistema já está normalizado e sem limitação de atendimento aos usuários dos serviços.
O gestor destacou ainda que qualquer cidadão que não tiver suas demandas atendidas pode recorrer ao Canal de Reclamação da OCA.
“Seja reclamação, crítica, ou até mesmo elogios em um dos guichês de atendimento. Temos uma equipe, que fará o trabalho de coleta e dará um retorno aqueles que não conseguiram atenção necessária. Temos total prioridade em diminuir os impactos pelo não atendimento e minimizar os prejuízos aos cidadãos que necessitam dos nossos serviços”, concluiu.

Fonte: Ac24horas

Leia Também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...